Obra do novo Cisvali inicia sem ato político em União da Vitória

Facebook
WhatsApp
Email
Twitter

“As obras do Ambulatório Médico de Especialidades (AME) de União da Vitória foram iniciadas”, confirmou a assessoria de comunicação da Secretaria de Estado da Saúde (SESA), nesta terça-feira (19/09). O departamento deu indícios de que não está programada a vinda do governador Carlos Massa Ratinho Junior. Diferente da posição e informação da Prefeitura de União da Vitória.

“Nós vamos assinar a ordem de serviço nos próximos dias, porém a obra já iniciou”, informou a comunicação da Prefeitura de União da Vitória. O questionamento foi feito via aplicativo ao setor porque a redação recebeu imagens do que seria o início da obra da AME, no caso o prédio a ser usado pelo Consórcio Intermunicipal de Saúde do Vale do Iguaçu (Cisvali). Nelas, aparece máquinas e pessoas trabalhando.

Em Irati, que também terá um AME, o governador, secretário da Saúde Beto Preto e demais autoridades regionais participaram da assinatura da ordem de serviço, três meses atrás com anúncio de valores na casa de R$ 14,6 milhões da SESA. Em União da Vitória, conforme a prefeitura, o valor é menor: “Mais de 12 milhões de investimentos”, frisou a comunicação.

“Um detalhe bem importante é que o município de União da Vitoria que doou o terreno, tbm [também] realizou a licitação via município”, acrescentou a comunicação da prefeitura. Em relação ao ato político de assinatura da ordem de serviço, contudo, a SESA parece descartar a vinda de Ratinho, Beto Preto e palaque político para formalizar o ato, até por ter iniciado a obra em si.

” Em janeiro, o secretário de Estado da Saúde, Beto Preto, esteve no município para anunciar os investimentos para a unidade. Em relação a ordem de serviço, é válido considerar que este processo é protocolar e pode ocorrer de maneira interna na secretaria, para garantir a agilidade da execução. É esperado que o secretário visite o município para vistoriar as obras, em data oportuna”, citou a SESA, além de confirmar o início da obra em resposta ao e-mail da redação.

Na busca das informações sobre o assunto, a reportagem questionou a possível vinda do governador e secretário para assinar o ordem de serviço, mesmo com indicativo de obra iniciada. Também se o governo faria um evento político relacionado à construção da AME. Em relação a diferença de 3 meses da assinatura em Irati para o início de obras em União da Vitória, a SESA não se pronunciou e nem justificou os motivos.

O Cisvali, conforme o seu site oficial, é formado por 09 (nove) municípios, da área de abrangência da 6º Regional de Saúde de União da Vitória. Tem como objetivo principal melhorar a qualidade da assistência da Atenção Especializada dos Municípios consorciados. O Cisvali busca assegurar ações e serviços de qualidade a sua população, com atendimentos de maior complexidade e preços viáveis”.

Da redação com informações da SESA e Prefeitura e imagem recebida pela redação via WhatsApp.